louca

O meu rei está louco. Pelo menos, penso que sim. Que posso fazer?

Primeiro, reconheça este fato inalterável: Não se pode saber (ninguém pode) quem é o ungido do Senhor e quem não é. Alguns reis, a quem todos juram ser da ordem de Saul, pertecem, de fato, à ordem de Davi. E outros, que todos juram ser da ordem de Davi, de fato pertencem à ordem de Saul. Quem está certo? Quem sabe? A que voz você atende? Ninguém jamais é suficientemente sábio para resolver este enigma. O máximo que podemos fazer é andar ao redor, fazendo a pergunta:

“É esse homem o ungido do Senhor? Caso seja, é ele da ordem de Saul?”

Memorize muito bem essa pergunta. Pode ser que você tenha de fazê-la a respeito de si mesma 10 mil vezes. Principalmente se for um cidadão de um país cujo o rei possa estar louco. 

Parece que não é difícil fazer essa pergunta, mas é. Especialmente quando a pessoa está chorando alto… e desviando-se das lanças… e sendo tentada a atirar uma de volta… sendo encorajada pelos outos a fazer exatamente isso. 

E todo o seu racionalismo, e sanidade, e lógica, e inteligência, e bom senso concordam com eles. Mas, lembre-se, nas suas lágrimas: VOCÊ CONHECE APENAS A PERGUNTA, NÃO A RESPOSTA. 

Ninguém sabe a resposta. 

A não ser Deus. 

E ele JAMAIS a revela.”

trecho: Perfil de três reis – Gene Edwards p. 32-33

desinteressante²

E na verdade, é isso que basta mesmo… para que ter auto-estima?

Que eu seja desinteressante, mas que todo interesse esteja sob Aquele que merece toda honra e glória.

Sabe, as vezes eu preciso apertar o start para entender isso. Eu não sou, Ele é! Eu não posso, Ele pode! Ele é o dono de todas as coisas, e é Ele quem pode todas as coisas… Não temos mais autoridade para mexer nas nossas vidas, pelo menos falo de mim… Se Ele me deu a sua vida, por quê eu não daria a minha? O que há de tão especial nela para que eu fique tomando posse? 

Hoje abri bem na lata: Mas o justo viverá pela fé e se ele recuar, a minha alma não tm prazer nele – hebreus 10.38… Lemos isso tantas e tantas vezes e não conseguimos reter e decorar, que coisa mais difícil não é? Por que para ir a igreja é sempre muito bom e estamos sempre bem, mas para viver pelo que pregamos la é sempre uma dificuldade? Por que postergamos as decisões mais duras e difíceis de serem tomadas? No fundo, no fundo, sempre acreditamos que Deus fará a nossa vontade, mas com o passar do tempo e da percepção de uma pequena, mas inicial maturidade, vemos que isso não é a grande verdade. A nossa vontade comumente não é a vontade dele. Não mesmo… É isso causa temor e alívio. Para mim, no momento, mais temor né? Mas se decidi viver por isso, que seja mesmo com temor para que eu não me ensoberbeça e com um certo grau de alívio, para que eu confie!

Me sinto metade como Moisés, ainda recebendo as revelações dentro das densas nuvens e metade como Davi, sendo atacado pelas setas de Saul, porém neste caso o Saul da lança é também o próprio Davi. Sou eu, lobo em pele de cordeiro. Crente hipócrita, vacinada e salve-salve…!

Preciso reorganizar a minha mente mundana e terminar de decorar Romanos 8, porque só ai terei paz… Para que eu não viva mais segundo a carne, mas segundo o Espírito, porque os que vivem segundo a carne não podem agradar a Deus (v.8). Aliás, isso é tópico para outro post, mas: será que temos realmente ns preocupado em agradar a Deus? Será que realmente o amamos a ponto de querer vê-lo feliz? Difícil questão!! E resposta simples: NÃO, INFELIZMENTE. 

Bom dia para quem vem ler isso aqui de vez em nunca… 

Fica na paz ♪

doce amor

Todos os dias temos algo novo para o Senhor. E do Senhor. Ele renova as nossas forças ainda que nós pensemos que isso não vai acontecer. Eu estava hoje, muito pensativa a respeito da minha vida com Deus, na verdade é o que mais tem acontecido em todos os dias da vida enquanto estou nesta nação. E ainda que eu saiba que tenho motivos para agradecer por Deus estar sustentando a cada dia a minha fé, que tamanha dificuldade eu encontrei de manter os meus pensamentos cativos ao Senhor. Fiquei me sentindo mal por algumas coisas, principalmente por saber que o meu jeito, o meu caráter ainda tem atrapalhado o meu desenvolvimento como mulher de Deus. Muitas dúvidas permeiam a minha mente, quando na verdade apenas uma certeza deveria reger todas elas: Deus está comigo todos os dias da minha vida. E por isso eu não deveria temer mal algum. 

Mas o nosso coração é enganoso e muitas vezes nos traz sentimentos que atrapalham a nossa fé. A saber: fé não é um sentimento, mas muitas vezes acaba sendo bastante influenciada por ele. Daí mesmo podemos perceber que a bíblia é perfeita porque nos instrui a termos domínio próprio, e este gominho do fruto do Espírito é realmente algo poderoso para termos em nosso coração. 

Então, do nada, apareceram alguns irmãos aqui no meu quarto… vieram porque iam sair e passaram por aqui, logo depois um amigo-irmão do Brasil me ligou do nada no meio da tarde de quarta-feira apenas para falar comigo porque disse estar com muitas saudades e, mesmo sem merecer, mesmo sabendo que o Reino dos céus em minha vida não é movido por auto-estima (e que na verdade eu não preciso dela mesmo), Deus foi misericordioso e meu deu um pouco (muito) de carinho. Engraçado que Deus está “disponível” para mim em todo o momento e não precisa fazer nada para que eu me sinta massageada (no ego), mas de alguma forma que não podemos explicar, essa essência de Deus justo e bravo que temos em nosso coração por muito estudar estudar e estudar, acaba dando lugar a um Deus que é galardoador daqueles que o buscam…. (o verdadeiro galardão está naquilo que não podemos ver). E que servos inúteis nós somos… Somos tão mesquinhos e pequenos, e mesmo assim Ele nos agracia com o seu amor. Seu doce amor

Obrigada Jesus, por fazer do meu dia, um dia para adorar ao Senhor!

see if YOU are real… (?)

Let me touch You and see if You are real
Even though, I know my heart Your hands can heal
But sometimes I get discouraged
And I need Your strength and shield, Jesus
Let me touch You and see if You are real

Sometimes to me You seem so far away
And I wonder how to make it through the day
But if I can touch the hem of Your garment
Your power, I know, You can heal, Jesus
Let me touch You and see if You are real

CHORUS
When I’m down
Let me touch You
When I’m lonely
Let me touch You
When I’m discouraged
Let me touch You
Like I never have before
Lord, I need You more and more, Jesus
Let me touch You and see if You are real

Oh, see if You are real

fôlego

“Tudo quanto tem fôlego louve ao Senhor. Louvai ao Senhor!” – Salmo 150.6

mas antes de ler, assista este vídeo:

 

Esta foi uma semana cheia de grandes conquistas com Deus. Estamos buscando desenvolver mais a nossa vida com o Senhor e isso tem sido respondido com uma graça maravilhosa. Estou empolgada e temerosa do que Deus tem preparado. Mas isso é indescritível. Porém o que é totalmente descritível e que eu gostaria de compartilhar com meus queridos amigos é a questão da adoração.

No ensaio do louvor de hoje, tive um insight perfeito (pelo menos para mim foi porque creio que veio de Deus) do que penso sobre adoração. Antes… Eu não tenho muito vigor para as coisas espirituais, então, muitas vezes que pedem para orar alto, com força, quase gritar, essas coisas, eu era meio contra… rs Achava que não estava apta, mas até entender a essência de quando e como fazer essas coisas. Comecei a compreender que mesmo que não seja com força física aparente, tudo o que faço, até mesmo cada inspirar-expirar, deve ser para a glória de Deus e se não faço isso estou em pecado – ora… que tremenda enrosacada não é? E ai veio a ilustração:

Vi a minha vida como um celular: tenho muitas funções: camera, sms, joguinhos, bluetooth, internet, mas só uso uma função, a de ligar e receber ligações. A nossa vida com Deus também é assim: Deus tem dado muitos muitos dons para nós, mas nos contentamos em usar apenas aquele dom mais aparente ou o dom mais usual com medo de críticas ou de que Deus verdadeiramente venha falar ao nosso coração de uma forma que impacte não só a nossa vida, mas também a dos que estão em redor. Temos que aprender que não somos realmente nada neste mundo, somos inclusive esquecidos por nossos entes mais queridos, mas que tudo o que há em nós, existe para glorificarmos ao nome do Senhor. E devemos usar tudo o que Ele nos deu de volta para a gloria dEle. 

Depois dessa lição de hoje, me preparo para as bombas… rs mas satisfeita de que, se é Ele quem está chamando, Ele também me capacitará! 

Deus nos abençoe!

uma alma

Hoje, especificamente hoje, estou começando a entender melhor o valor de uma alma. Aconteceu uma situação muito séria com uma amiga russa e foi muito curioso como me identifiquei com ela (a situação). Apesar de eu não sentir dor como deveria, quando vejo homens de Deus intercedendo por suas vidas-alvo, percebi que só a preocupação é um início. A vontade que eu tenha é de viver a minha vida em função da salvação desta alma, ainda que esse desejo não seja algo visceral. A dor de ver uma pessoa padecendo mas sem um lugar para fugir é imensa. Creio que as sementes estão sendo colocadas com todo o carinho nesta terra árida e sei que darão bons frutos a seu tempo. 

Aprendi algo com um filme que estava vendo com o pessoal no sábado e que também tem um pouco a ver com o que aconteceu hoje, sobre a questão da moral e Jesus. Como eu estava errada em querer evangelizar as pessoas (e principalmente esta amiga) através da minha boa moral e do meu comportamento: testemunho exemplar. Tudo bem que isso é um chamativo para as pessoas, passa confiança, respeito, amor, amizade e vários sentimentos bons, mas esquecemos sempre de dizer o autor dessa boa moral. E aí acaba ficando tudo muito no ar… Muito em cima de valores subjetivos do tipo: o que é bom para você pode não ser bom para mim… Estava errada e Deus é tão bom que sempre nos dá a oportunidade de acertar!!!! Isso é muito bom! Pelo menos essa questão da moral serviu para que eu colhesse frutos… Agora, deixa tudo com o Espírito!

– uma alma vale mais que o mundo inteiro e muito mais do que os meus problemas e as minhas crises russianas!

descobri o segredo

Depois de ler a parábola do juiz iníquo em Lucas 18… redescobri algo que tenho que lutar com todas as forças para manter na minha vida de oração:

“Não fará Deus justiça a seus escolhidos, que clamam a ele de dia e de noite , AINDA QUE OS FAÇA ESPERAR???” – Lc. 18.7

E completa no versículo 8, confirmando que sim, que fará justiça: e se o Filho do Homem achará fé na terra?

PAI, DA-NOS MAIS FÉ! FÉ FÉ FÉ… Não nas coisas que o Senhor pode fazer, mas em Ti mesmo! Precisamos de Ti, Tu és a nossa herança! Só o Senhor! Amém!