still – tranquilo – покой (2)

Acredito que ultimamente o que mais tenho colocado a Deus em oração é para que eu tenha paciência e perseverança… Preciso de paciência! E desde muito pequena, entendi que quando você pede algo a Deus para que seja moldado em seu caráter, Ele usará situações para que você seja treinado e aprovado. Alguém uma vez me ensinou assim e depois disso, nunca mais esqueci… Talvez, e muito provavelmente, eu tenha tido medo de pedir certas coisas mais ousadas a Deus, preocupada com as tais provas.

Hoje, meditando no livro de Tiago, porque também estou tentando dominar minha pequena língua (e esta carta é ótima para isso), reacendeu esta certeza no meu coração, e o melhor em um momento que estou mais precisando. Como somos mesquinhos… é claro que sempre virá no momento que estamos precisando, ainda que não saibamos que momento é esse: mas Deus é sábio e faz como lhe apraz.

Vamos dar uma olhada aqui: Tiago 1. 2 e 3:

2 – Meus irmãos, tende por motivo de grande gozo (alegria) o passardes por várias provações,

Fiquei pensando como ter alegria quando passar em uma prova? Não há como fazer isso se você não estiver totalmente ligado em Jesus. Sabe, eu estava muito para baixo, e isso ocorre com alguma frequencia aqui…rs Mas estava realmente desanimada, e quando li isso, fiz essa pergunta acima, que no fundo foi até meio debochada (triste isso). Mas comecei a pensar que você não tem fé ou regozijo na vida se o Espírito Santo não habita em você! Não tem como mesmo… Além disso, quem passa na prova, é o cristão! O ímpio passa dificuldades e tentações, normais a todo ser humano – infelizmente muitas vezes ele tem mais certeza da sua vitória que nós – Porém os cristãos, passam por constantes provas com Deus.

A falta da palavra “quando” nesta frase, indica que as provas não são eventos isolados, mas sim constantes.

3 – sabendo que a prova da vossa fé desenvolve a perseverança.

Ora, já descobri porque não sou paciente. Não é apenas porque não tenho provas: é claro que tenho e em maior ou menor grau TODOS temos. Mas porque não desenvolvo um relacionamento com Deus suficientemente sólido para que o Espírito Santo aja no meu coração dando alegria constante no momento da provação. Porque o Senhor corrige o que ama, e açoita a qualquer que recebe por filho. (Hebreus 12:6). 

Além disso:

4 – Ora, a perseverança deve terminar a sua obra, para que sejais maduros e completos, não tendo falta de coisa alguma. 

A imaturidade não adquirida, vem da falta de Espírito e em um coração impaciente… Escrevendo assim parece ser tão fácil, tão simples. É como chegar na praia e olhar aquele mar lindo, é tão precioso (…) até o momento que você entra na água e vem a primeira onda grande. Este é o sentimento: para onde vou? o que faço? Aquele que está mais tranquilo simplesmente espera a onda chegar bem perto e a “fura”, mergulhando dentro e através dela! Que beleza hein: mergulhar na e através da provação. Passar por ela, mas ao mesmo tempo não morrer nela.. E no final, o refrigério de chegar do outro lado! Vou tentar pensar mais nisso… Deus está falando mesmo isso!

Deus quer que sejamos maduros! Maduros! E para chegar a maturidade como cristãos cheios de fé e confiança nEle, precisamos entender que virão provações. Já está chegando aqui o frio na barriga de ver essa imensa onda. Espero poder cantar:

Quando os oceanos se revoltam

Tu és soberano sobre TUDO

Eu ando contigo sobre (e através e nas) águas

TRANQUILO ESTOU POIS SEI QUE ÉS DEUS ♪

Deus abençoe!

outros podem, você não!

“Se Deus te chamou para ser realmente como Jesus, Ele exigirá de você uma vida de crucificação e humildade, e porá sobre você tal demanda de obediência que não te será possível seguir a outros, nem medir a você mesmo por outros cristãos. Em muitos assuntos, Ele aparentemente permitirá a outras pessoas praticar atividades duvidosas, as quais não permitirá a você nem tocá-las.

Alguns aparentemente religiosos e homens de destaque, se esforçam por avançar, buscando chegar mais alto e armando ciladas para realizar seus planos, mas a você, não se permite. E se você tentar fazê-lo, terá um encontro com o fracasso e com a repreensão do Senhor, para deixá-lo bem arrependido.

Outros podem jactar-se de si mesmos, de suas obras, de seus êxitos, de seus escritos, mas o Santo Espírito não te permitirá fazê-lo. Se começar fazê-lo, Ele te consumirá com uma profunda mortificação, na qual fará que você despreze a si mesmo e todas as tuas boas obras. A outros é permitido ter êxito em ganhar dinheiro, ou podem obter uma herança deixada para eles. Mas é provável que Deus queira que você tenha algo muito melhor do que o ouro – uma total dependência dele, para que Ele possa ter o privilégio de suprir as tuas necessidades dia após dia, por meio de um tesouro escondido.

O Senhor pode permitir a outros ser honrados e colocados no alto e guardar a você escondido na obscuridade, porque Ele quer produzir um seleto e fragrante fruto para a sua vindoura glória, a qual se produz somente na sombra. Ele pode permitir a outros que sejam destacados, mas a você, Ele te manterá pequeno. Ele pode permitir a outros trabalhar para Ele e obter o reconhecimento por isto, mas deixará ocultos os teus trabalhos e fadigas, deixando desconhecido o que você está fazendo. E para fazer a tua obra ainda mais preciosa, Ele pode permitir a outros obter o crédito pelas obras que você executou, fazendo a tua recompensa dez vezes maiores quando Jesus vier.

O Espírito Santo colocará ao redor de você uma estrita guarda de amor zeloso e te repreenderá por pequenas palavras impróprias e pequenos sentimentos irritados, ou por gastar mal o teu tempo, ainda que outros cristãos nunca pareçam ter tido aflição por este tipo de coisa. Isto é para que tenha em mente que Deus é um Soberano infinito e tem o direito de fazer aquilo que se agrade com o que é seu. Ele pode não explicar-te mil coisas, as quais deixariam perplexo o teu entendimento sobre o seu trato com você, mas se você se entregar completamente para ser seu escravo de amor, Ele te rodeará de zeloso amor e te dará muitas bênçãos que vem somente aos que estão dentro do seu círculo mais íntimo. Aceite isto para sempre, então, que você tenha que tratar diretamente com o Espírito Santo, e que Ele tenha o privilégio de atar a tua língua, ou conter a tua mão, ou fechar os teus olhos, de modo que Ele não tenha que tratar com os outros. Note a resposta de Jesus quando Pedro estava interessado mais com o que João deveria fazer do que com a sua própria responsabilidade. “Que te importa a ti? Segue-me tu.” (João 21:22) Quando você estiver investido com o Deus vivente, que esteja no segredo do teu coração, complacente e cheio de contentamento com esta particular, pessoal, privada e zelosa guarda do Espírito Santo sobre a tua vida, então, terá encontrado a porta do céu.

“Se já ressuscitastes com Cristo,…Pensai nas coisas que são de cima, e não nas que são da terra; Porque já estais mortos, e a vossa vida está escondida com Cristo em Deus.” (Colossenses 3:1-3)

“E, para que não me exaltasse pela excelência das revelações, foi-me dado um espinho na carne,…Acerca do qual três vezes orei ao Senhor para que se desviasse de mim. E disse-me: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo.” (2ª Coríntios 12:7-9) “De maneira que cada um de nós dará conta de si mesmo a Deus.” (Romanos 14:12)”

-por G.D.W.