romper

A cada dia somos desafiados a cumprir mais uma etapa de nossas vidas. O romper com os valores que foram construídos ao longo do tempo e enraizados em nós é a parte mais difícil. Não tenho gabarito para falar de nada acerca da vida cristã, porque sei que não estou nem a um passo de cumprir tudo aquilo que eu deveria cumprir… Mas pelo que ando passando e notando, o tratamento do caráter no cristão é a parte mais dolorosa. Ainda que digamos que Deus é o nosso tudo, que nossa vida está em suas mãos, não fazemos isso de todo o coração até que Ele aperte este próprio coração. 

Chegou a hora mais difícil aqui, a hora em que as coisas ou retrocedem ou avançam. Nunca a verdade: “quem tem posto a mão no arado não pode mais olhar pra trás” tem feito tanto sentido na minha vida. 

Está na hora de pensar nas coisas excelentes para nossa vida. A única promessa que o Senhor nos deixou foi a vida eterna, ainda que alguns discordem e coloquem textos fora do contexto do AT ou algo no âmbito do profético para expressar promessas que serão cumpridas nesta Terra. Mas não, sinto muito a decepção (também confesso que fiquei mal), mas a única e maravilhosa promessa que temos é viver para a eternidade com o nosso Senhor Jesus Cristo. Por isso a necessidade do romper, por isso a necessidade de buscar mais. 

Precisamos ter mais consciência do que Deus espera de nós. E isso tudo está revelado em sua Palavra e na comunhão com Ele.

 

“E, na verdade, tenho também por perda todas as coisas, pela excelência do conhecimento de Cristo Jesus, meu Senhor, por quem sofri a perda de todas estas coisas, e as considero como refugo, para que possa ganhar a Cristo” Fl 3.8

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s